Doe livros para bibliotecas atingidas pelas enchentes em Pernambuco

Publicado por em 20/07/2017 | Um comentário

Simpatia do pessoal da Secretaria da Escola Dom Vital ao receber os livros.

Coisa mais triste é imaginar uma biblioteca cheia de estantes vazias. Ainda mais se essa biblioteca fica numa escola pública municipal ou estadual de uma cidade do interior.

Agora imagina milhares de alunos e professores de 240 escolas desse jeito. É o que aconteceu nas cidades da Mata Sul de Pernambuco atingidas pelas enchentes de maio.

Por isso a campanha Livro Solidário convoca eu, você, todos a colaborar para repovoar o acervo dessas bibliotecas. Vamos participar?

Fiquei muito feliz de poder doar uns 30 livros que estavam separados em casa esta semana, juntando alguns desapegos meus e muitas sobras do último Troca-Troca Menos1naestante. Obrigada a vocês que fizeram doações! <3

Leia mais

Tags deste post: , , ,

9 livros de escritoras mulheres que vão abalar a Flip 2017

Publicado por em 13/07/2017 | 2 comentários

Escritoras na Flip 2017

Finalmente eu vou realizar o sonho de conhecer a Festa Internacional Literária de Paraty, o evento no Rio de Janeiro que faz os meses de Julho serem sempre mais literários.

Pra mim vai ser um mundo novo, que eu tô ansiosa pra descobrir: a programação, a festa, os arredores, a cidade de Paraty. Mas o genial é que a edição da Flip 2017 vai ser propositalmente cheia de diversidade. Muitos escritores fora do mainstream estão na programação e a quantidade de escritoras mulheres é notável.

Por isso na última promoção da Amazon, decidi comprar uma escritora mulher que fosse estar nesta 15ª edição, mais especificamente o Írisz. As Orquídeas, da Noemi Jaffe.

E das minhas pesquisas, elegi 9 livros de mulheres que eu achei bem interessantes e que estarão com tudo na Flip 2017. Pra quem está procurando uma nova leitura, que tal apostar em um desses títulos?
 

1. Uma História Simples, de Leila Guerriero

A jornalista argentina Leila Guerriero viaja até um povoado de seis mil habitantes, no interior de seu país, com o objetivo de contar a história de um homem comum em busca de ser campeão numa dança típica. O livro é recomendado por Vargas Llosa.

Leia mais

Tags deste post: , ,

Criando um novo hábito: o meu é postar 2x por semana e o seu?

Publicado por em 11/07/2017 | 2 comentários

Escrevendo no blog e café

A leitura da vez é o livro Quanto Menos, Melhor, do Leo Babauta. E está sendo fantástico. Fico impressionada quando coisas tão óbvias ditas de outro jeito acessam a gente bem na jugular. É o caso desse livro curtinho e leve, porém bem rico.

De tal forma ele me pegou que resolvi escrever esse post pra cumprir um processo proposto pelo livro para a criação de um hábito. Vou explicar melhor.

O Leo Babauta acredita que o primeiro passo rumo a um novo hábito duradouro é se fazer valer do poder do menos. Ou seja, escolher 1 hábito de cada vez para implantar é fundamental. A estratégia proposta é de a aquisição do hábito ser um Desafio de 30 dias, seguindo esse passo a passo:

Leia mais

Tags deste post: , , ,

Hotel dos sonhos de todo leitor fica no Japão: Book and Bed Tokyo

Publicado por em 28/06/2017 | Deixe um comentário

Book and Bed Tokyo, o melhor hostel para leitores

Book and Bed Tokyo, o melhor hostel para leitores

Tem lugares tão incriveis que a gente encontra nessa internet de meu deus, que a vontade que dá é de colocar a vida em stand by, juntar os troquinhos da poupança, dar um até breve a todos e cair no mundo. Pra mim, um desses lugares é o Book and Bed Tokyo.

Então quando eu for no Japão, se eu não dormir pelo menos uma noite nesse hostel criado para apaixonados por livros, eu não fiz nada. 

A realidade é dura e não tenho nem previsão pra isso. Mas fiquei feliz de conhecer mais o lugar pelos olhos e impressões de Paulinha, a amiga de família japonesa que passa uns meses do outro lado do mundo sempre que pode.

Uma das coisas mais legais que Paulinha constatou é que, apesar de ter uma pegada design hotel, o valor da hospedagem lá é super acessível. Na ocasião, a diária deu cerca de R$ 150, o que é um valor bom comparado a acomodações similares em Tokyo. Se você tiver com toalha de banho, sabonete e shampoo, o preço pode ficar melhor ainda.

Leia mais

Tags deste post: , , ,

Comer, Rezar, Amar – cena de leitura e romance

Publicado por em 15/06/2017 | Deixe um comentário

Cena de Comer, Rezar, Amar

Comer, Rezar, Amar, da Elizabeth Gilbert, é um livro que eu sou doida pra ler. Como as comédias românticas que gosto de assistir. Só que o hype passou e até hoje eu nada. Consequentemente ainda não vi o filme.

Aí vejo essa cena e sinto que é hora de corrigir essa falha. Ler o livro e assistir ao filme. Como se não bastasse ser Julia Roberts e Javier Bardem, dois atores que amamos, o trecho começa com uma leitura de casal e é pura inspiração. A casa. A música. Os livros. <3

Para suspirar e se apaixonar. Dica de Adelmo.

Tags deste post: , , ,

[Resenha] O meu primeiro Saramago: O Conto da Ilha Desconhecida

Publicado por em 27/05/2017 | Deixe um comentário

O conto da ilha desconhecida, Jose Saramago

O Conto da Ilha Desconhecida, de Saramago, é um livro tão curtinho e tão fluido que mais parece um sonho. Um sonho, daqueles que envolve a gente por um bom tempo depois de acordar.

Foi o meu primeiro Saramago. Graças a Anne, a amiga que ficou indignada porque eu nunca tinha lido nada do escritor português. Então ela resolveu criar um projeto #leiasaramago especialmente pra mim, onde ela vai me guiando pela obra dele. Que privilégio, né? Eu tô apenas amando isso.

Pra Anne, é um ótimo livro pra começar a ler o escritor por três motivos: é um conto, é curto e por ser uma boa amostra da escrita do Saramago. E pra mim, que sempre fico admirando títulos perfeitos, o desse livro é um charminho a mais.

(…) dizia que todo homem é uma ilha, eu, como aquilo não era comigo, visto que sou mulher, não lhe dava importância, tu que achas, Que é necessário sair da ilha pra ver a ilha, que não nos vemos se não nos saímos de nós, Se não saímos de nós próprios, queres tu dizer, não é a mesma coisa.”

Leia mais

Tags deste post: , , ,

Engenho Pombal, um lugar incrível para ser feliz lendo

Publicado por em 25/04/2017 | Um comentário

Sabe quando você tá sem conseguir ler muito porque as notificações do celular chamam, a Netflix liberou uma série nova, o bate-papo do messenger tá bombando ou simplesmente porque você não tá mais acostumado e tudo vem na frente?

Quando a coisa tá assim, porque ler hoje é ir na contramão, pode ser uma ótima ideia dar uma escapada para o parque da cidade ou para algum lugar diferente, ao ar livre, com muito verde de preferência, pra renovar esse abraço com o livro.

Engenho Pombal - o pôr do sol

O que dizer desse pôr do sol?

Pensei um bocado nisso esses dias porque eu revisitei um lugar fantástico para se estar acompanhada com um bom livro: o Engenho Pombal.

Tanto que resolvi vir mostrar aqui fotos desse lugar encantador pra inspirar vocês a também encontrar espaços especiais que façam da leitura um momento único, uma experiência sensorial completa.

Engenho Pombal - o cantinho mágico

O cantinho perfeito pra leitura com a porta mágica pra o jardim

O Engenho Pombal é um sítio em Vitória de Santo Antão, um verdadeiro patrimônio pernambucano de mais de 400 hectares pertencente aos Andrade Lima desde o século XIX. As terras abrigam os vários descendentes do coronel Hisbello e Lucila, e dos seus 13 filhos.

Engenho Pombal 07 - escada

Até essa escadinha convida pra abrir um livro

É impressionante estar a apenas 40km do Recife e ter uma experiência tão rústica, dormindo num casarão que exala história em todos os seus detalhes, das grades ao piso do banheiro. É como se hospedar num museu vivo.

Leia mais

Tags deste post: , ,

5 frases da literatura sobre café

Publicado por em 14/04/2017 | Deixe um comentário

Eu gosto tanto, tanto de café que fica até difícil fazer uma declaração à altura para o Dia Mundial do Café. Como se não bastasse, café na minha opinião é a primeira companhia perfeita pra uma boa leitura. Um livro bom com uma xícara de café quentinho é uma visão de paraíso palpável ao meu dispor.

Então pra fazer essa homenagem muito justa, eu resolvi pedir ajuda à literatura: usar frases ou trechos de livros que contêm café. Para isso, contei com a colaboração dos leitores convocados pelas redes sociais. A inspiração é do Universo Café, um espaço da São Braz que reune amantes da bebida até esta sexta, no Shopping Recife.

  • The Love Song of J. Alfred Prufrock de TS Eliot.

    Por eu ter conhecido todos eles, conhecido todos eles:
    Ter conhecido as noites , manhãs, tardes,
    Eu medi minha vida com colheres de café.”

Colaboração de Tiago Martins.

A Insustentável Leveza do Ser, de Milan Kundera

E mais uma coisa: havia um livro aberto sobre a mesa. Nesse café ninguém jamais abrira um livro sobre a mesa. Para Tereza, o livro era o sinal de reconhecimento de uma fraternidade secreta. Contra o mundo de grosseria que a cercava, não tinha efetivamente senão uma arma: os livros que pedia emprestados na biblioteca municipal; sobretudo os romances: lia-os em quantidade, de Fielding a Thomas Mann. Eles não só lhe ofereciam a possibilidade de uma evasão imaginária, arrancando-a de uma vida que não lhe trazia nenhuma satisfação, mas tinham também para ela um significado como objetos: gostava de passear na rua com um livro debaixo do braço. Eram para ela aquilo que uma elegante bengala era para um dândi do século passado. Eles a distinguiam dos outros”.

Colaboração de Léia Viana.

  • No mundo da luna, Carina Rissi.

    – Nada ainda?  – Sabrina perguntou pela décima sexta vez, entrando no quarto e colocando uma xícara de café com leite fumegante na minha mesa de cabeceira.”

Colaboração de Ísis Barros.

Leia mais

Tags deste post: , ,
Página 1 de 7312345...Última »