Posts com a tag "marcelino freire"

Bons papos em torno da literatura contemporânea

Publicado por em 12/06/2012 | Deixe um comentário

Marcelo Rubens Paiva, José Castello e Ignácio de Loyola Brandão.

Logo depois da comoção do Dia dos Namorados, debates literários fervorosos prometem tomar o Recife, desta quarta-feira (13/06) a domingo (17/06). Quando escritores renomados e queridos estarão na cidade para participar da III Mostra Sesc de Literatura Contemporânea, simplesmente nomes como José Castello, Marcelo Rubens Paiva, Adriana Falcão, Viviane Mosé e Ignácio de Loyola Brandão.

O tema é daqueles que abraça qualquer tema, como deve ser: Literatura: Territórios/ Interfaces/ Conexões / Diálogos possíveis. A dica é participar da oficina de roteiro para cinema, de Alice Gouveia, ou da desconstrução do processo de criação, encabeçada por José Castello.

Para quem trabalha oito horas, como eu o/, a festa começa na quinta-feira (14/06), às 20h10, numa conversa com Ignácio de Loyola Brandão, mediada por Homero Fonseca, no Salão de eventos do SESC Santa Rita. E segue adiante: Adriana Falcão na sexta-feira, Francisco Alvim no sábado, Marcelino Freire e Marcelo Rubens Paiva no domingo. Tudo acontece ora no Sesc Santa Rita, ora na Livraria Cultura.

 

A PROGRAMAÇÃO

Leia mais

Tags deste post: , , , , , , , , , , ,

Por que existe o cheiro do livro?

Publicado por em 20/04/2012 | 2 comentários

Vídeo Abe Books

Toda vez que se fala em livros digitais vs. livros impressos, o cheiro dos livros é um argumento recorrente a favor do segundo. E isso sempre me lembra o escritor Marcelino Freire, quando entrevistei ele sobre o assunto há algum tempo, ele dizendo algo como “o pessoal fica falando em cheiro do livro, eu não tenho apego nenhum a essa história. Qualquer coisa, se cria uma essência!”, para depois rir bastante. É a ideia de que o que mais importa é a literatura.

E faz todo o sentido racionalmente. Mas pra quem não pensa tão racionalmente assim e ama o cheiro de títulos novos ou velhos, eu inclusa, o vídeo acima é irresistível. A Abe Books decidiu explicar o processo e as reações químicas que levam os livros a ter esses cheiros. É todo em inglês, mas dá pra ver uma legenda desarrumada clicando em “cc” no player.

Vi no imperdível Update or Die, dica de Adelmo.

Tags deste post: , , , , , , ,