Posts com a tag "livraria digital"

Amazon no Brasil: livros físicos custam menos que e-books

Publicado por em 21/08/2014 | 14 comentários

Amazon  no Brasil

Faz tempo que as livrarias acordam no meio da noite tendo pesadelos com este dia: a chegada da Amazon no mercado brasileiro. Tinha uma paquera da gigante americana com o Brasil sim. Uma paquera bem correspondida com a forte atuação na venda de e-books para encher as estantes digitais dos Kindles de cada um, incluindo a desta pessoa que vos fala.

Mas hoje é a chegada oficial da Amazon no Brasil. A partir de hoje, a livraria digital passa a vender livros físicos também. E chegou abrindo o seu espaço com a sutileza de um Godzilla. São apenas 150 mil títulos de livros em português impressos para começar. PARA NOSSA ALEGRIA.

Para dobrar até os leitores mais controlados, frete grátis para compras a partir de R$ 69, e ainda um recurso capaz de deixar o leitor apaixonado de vez. O Leia Enquanto Enviamos vai permitir ao comprador ultransioso de um livro físico baixar a versão digital para começar a leitura enquanto o correio não faz a entrega. Como não amar?

Outra coisa interessante é que começa a ficar mais clara (embora faça menos sentido) a relação livros físicos x e-books. Como você vê abaixo, vários títulos impressos custam menos do que a sua versão digital. Como isso acontece? Todo mundo sabe que um livro físico sai beeeem mais caro do que um digital. Enquanto um e-book precisa passar por revisão e edição, um título impresso precisa passar ainda por impressão, armazenamento e distribuição.

Livros físicos mais baratos que e-books

E você pretende inaugurar a livraria online? Em caso positivo, conta pra gente como foi a sua experiência. Coloca aí nos comentários, manda um e-mail para contato@menosumnaestante.com ou conta lá no Facebook do Menos um na estante.

Ah, caso você fique em dúvidas: isto não é um publieditorial. ;)

 

Tags deste post: , , , ,

Mais 3 milhões nas prateleiras do Google

Publicado por em 28/12/2010 | Deixe um comentário

Se o Google diz que criou o que será a maior biblioteca de livros eletrônicos do mundo, quem duvida? Eu mesma não. Afinal, a recém-lançada livraria digital já começa com um catálogo de 3 milhões de obras. O legal é que uma boa quantidade é gratuita, e pode ser pesquisada no mesmo lugar.

Com a intenção de dominar o mundo disputar o mercado com a atualmente maior Amazon, a Google Editions propõe a integração das plataformas: você começa a ler no computador e termina no smartphone, a caminho do trabalho. Se for para que todos leiamos mais, espero que vire moda.

Tags deste post: , , , , ,