Posts com a tag "educação"

João Lucas, o devorador de histórias

Publicado por em 26/12/2012 | 5 comentários

João Lucas, o devorador de histórias

Quem assistiu ao Fantástico no último domingo, deve ter ficado tão impressionado quanto eu com a façanha do menino de 7 anos que leu mais de 500 livros em um ano. Gente, que humilhação (risos). Com esse ritmo, João Lucas é um leitor que provavelmente nunca se interessará pelo Menos um na estante! Brincadeiras à parte, encontrei a reprodução da matéria no YouTube e vale a pena conhecer a história dele.

Ao que me parece, João Lucas é um caso à parte por ser um pequeno gênio. Devora livros, se destaca em gramática, em música e nas atividades físicas. Mas vale observar o ambiente potencializador que ele encontrou em casa, com o pai lendo para o filho desde que ele estava em gestação. A família toda colocou metas em conjunto, de ler um livro por mês. Como o próprio pai do prodígio fala, para Lucas os livros são brinquedos. Algo que certamente influi no resultado que os pais sempre esperam: o de ter filhos leitores.

Outra coisa que me chamou a atenção é quando o repórter pergunta o que é ler pra ele, e ele responde: “Ler é imaginar coisas”. Pois é, deixar o pensamento livre. Vamos nos inspirar?

Quem me avisou da matéria foi Dulche.

Tags deste post: , , , , , , , , , ,

O impacto da internet previsto por Isaac Asimov

Publicado por em 20/03/2012 | 3 comentários

Cada vez que alguém dá um play nessa entrevista concedida em 1988, Isaac Asimov continua fazendo o que sempre fez muito bem: dar um tapa na cara da sociedade. Mesmo dez anos depois de ter morrido. Para ninguém dizer que não avisei, acima estão 8 minutos obrigatórios para quem é ligado a qualquer coisa que envolva internet, comunicação ou educação, ou tudo isso junto.

É impressionante como em alguns comentários o escritor de ficção científica dá uma boa ideia de como a internet irá impactar a vida das pessoas, muitos anos depois, prevendo coisas como as redes sociais e a Wikipédia. E principalmente a educação. Asimov critica o modelo padrão que torna o aprendizado mais imposição do que prazer. A internet se torna um campo aberto de possibilidades para se aprender o que quiser, pesquisando no próprio ritmo, da própria casa. Tornando a escola importante, porém com o papel diferente de ser lugar de encontro e discussão.

Issac Asimov

Um dos entraves do modelo educacional que ainda não conseguimos substituir, genialmente colocado por ele, é essa cultura de que aprender é algo limitado à infância, quando deve ser algo constante e sem fim.

Via.

Tags deste post: , , , , , , ,