Book and Bed Tokyo, o melhor hostel para leitores

Book and Bed Tokyo, o melhor hostel para leitores

Tem lugares tão incriveis que a gente encontra nessa internet de meu deus, que a vontade que dá é de colocar a vida em stand by, juntar os troquinhos da poupança, dar um até breve a todos e cair no mundo. Pra mim, um desses lugares é o Book and Bed Tokyo.

Então quando eu for no Japão, se eu não dormir pelo menos uma noite nesse hostel criado para apaixonados por livros, eu não fiz nada. 

A realidade é dura e não tenho nem previsão pra isso. Mas fiquei feliz de conhecer mais o lugar pelos olhos e impressões de Paulinha, a amiga de família japonesa que passa uns meses do outro lado do mundo sempre que pode.

Uma das coisas mais legais que Paulinha constatou é que, apesar de ter uma pegada design hotel, o valor da hospedagem lá é super acessível. Na ocasião, a diária deu cerca de R$ 150, o que é um valor bom comparado a acomodações similares em Tokyo. Se você tiver com toalha de banho, sabonete e shampoo, o preço pode ficar melhor ainda.


Se você conhece albergues, sabe que são lugares onde viajantes do mundo todo estão mais propensos a interagir e se conhecer. Mas não é bem o que acontece no Book and Bed Tokyo, onde o silêncio impera para que os livros nas mãos dos leitores roubem a cena.

Deu pra sentir, segunda ela, que muita gente se hospeda lá para tirar uns dias de leitura ou por curiosidade mesmo. O site deles explica direitinho a filosofia do lugar (com tradução livre):

A configuração perfeita para uma boa noite de sono é algo que você não encontrará aqui. Não há colchões confortáveis, travesseiros esponjosos nem edredões leves e aquecidos. O que oferecemos é uma experiência ao ler um livro (ou quadrinhos). Uma experiência compartilhada por todos pelo menos uma vez: o feliz instante de adormecer.

Para dormir, você tem direito a um cubículo de madeira posicionado em meio a uma estante enorme de livros. No cubículo tem colchão com luminária e pronto. E as pessoas ou estão nos seus “quadrados” ou nas áreas comuns. A biblioteca fica à disposição dos visitantes para leitura in loco. 

Na foto, os pés de Paulinha repousando nesse hostel maravilhoso.

Paulinha se divertiu por lá lendo um livro sobre a experiencia de uma família americana que foi morar em Tokyo, e os micos que pagaram no País.

A estrutura conta ainda com chuveiros privados, pias e banheiros. Uma loja de conveniência 24 horas, as conhecidas Kibinis. Só não pode comer na cama, a permissão é nas áreas comuns.. Um janelão com uma vista linda para as ruas de Tokyo e uma música ambiente baixinha.

É uma boa opção pra quem quer passar a noite, recomenda Paulinha, mas tem que reservar antes porque é bem concorrido. Vamos? :)

Obrigada a Paulinha por todas as informações e fotos que ilustram esse post. <3

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Tags deste post: , , ,

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *