Retrospectiva 2016 e Expectativa 2017: garota lendo no campo

Façamos uma retrospectiva 2016 e listemos as expectativa 2017

Se você ainda não se fez essas perguntas, eu digo que vale a pena. Mesmo que seja de uma forma bem despretensiosa, olhar para trás e desejar o futuro é um exercício legal porque você acaba descobrindo alguma coisa útil.

Pra mim, por exemplo 2016 tinha sido o mais horrendo dos anos, mas quando eu botei no papel não é que teve umas coisas boas? Então abaixo eu enumero alguns tópicos interessantes, sem muito compromisso com ordem de importância e maiores detalhes. E acrescentando algumas coisas que penso pra 2017.

1. Queda abissal de amores pela trilogia Millenium

Fazia tempo que eu não lia tantas páginas em tão pouco tempo, nem ficava tão fissurada num livro, esquecendo até de dormir. Aguarde resenha bombástica na sequência. E brigada, Ritinha, por me convencer a começar.

2. Li o meu primeiro Saramago: O Conto da Ilha Desconhecida

Por culpa de Anne Durey, que também me deu o segundo para ler em breve: O Homem Duplicado. :)

3. O maior troca-troca em linha reta: com a ONG Visão Mundial

No Parque Dona Lindu, na Zona Sul do Recife, foi um acontecimento. <3 E também teve a 2ª edição do Eça é a Nossa Praça.

Este slideshow necessita de JavaScript.

4. Casal que mais shippei na vida: Lisbeth Salander e Mikael Blomkvist

Da trilogia Millenium, lógico. <3

5. Comecei a série mais fofa e livreira da vida: Gilmore Girls

Não resisti à pressão social dizendo que eu devia ver, e não me arrependo. É muito fofa, e livros são citados em 80% dos episódios. Só fico meio tensa porque ainda tô no 40º episódio de uns 150 de 40 minutos, hahaha. Pra você ter ideia, tem esse guia pra ler como Rory.

6. Li bem mais em 2016

Tudo bem que 2015 não foi parâmetro, mas considerando todo o turbilhão que passei ano passado com meu pai posso me alegrar com os sete livros que li, incluindo os calhamaços de Stieg Larsson. Mas é claro que esteeeeeeee ano a expectativa é de dobrar pelo menos.



 

7. Muitas e riquíssimas contribuições especiais

Ellen Guerra contou o que achou do Hibisco Roxo. Wagner resenhou Lygia Fagundes Telles, William Faulkner e a HQ Retalhos. Dulce indicou a série The Affair. Jake, do Bodega Literária, deu dicas de como ler mais. Bianca fez uma comparativo massa de autores holandeses. Vinícius declarou aqui todo seu amor por Stephen King.

8. Resenhei um livro de Isaac Asimov que não curti

Foi uma decepção ter lido um livro mediano de um autor sobre o qual tinha muita expectativa.

9. E descobri que Bradbury pode ser mais fantástico

Um dos pontos altos foi conhecer um Ray Bradbury ainda mais intrigante que o de Fahrenheit 451.

10. Encarei dois livros que eu não leria normalmente

Culpa do clube BlogseLivros que foi formado no segundo semestre, mas acabou parando. Por conta dele, li Como Eu Era Antes de Você (ainda nem vi o filme! ) e O Lado Bom da Vida. Foi bom sair da minha zona de conforto e conhecer títulos que tantas pessoas amam, mas definitivamente não é meu estilo de leitura.

11. Mesa com escritora famosa

Não sou público da Paula Pimenta, mas respeitei demais conhecê-la e às suas fãs na Fenelivro 2016. Entrou na conta das boas experiências do ano.

12. Não li 01 escritora mulher sequer :(

É um balanço muito triste que pretendo corrigir este ano, com o primeiro livro do ano aliás. Eu nunca planejei todas as minhas leituras com antecedência, e esse ano o meu desafio é testar isso pra ver se o efeito é bom.

13. E planejo ainda mais

Fazer no mínimo 6 trocas de livros no ano. Lançar um blog Menos1naestante novo com identidade visual repaginada totalmente, com seções novas e parceiros diferentes. Fazer mais sorteios de livros (o último no Instagram teve mais de 700 comentários participantes). E assim por diante!

E vocês, como avaliam 2016 e o que planejam pra este ano?

Enfim, queridos, 2017 tem que ser massa pra mim e pra vocês. A gente merece <3

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Tags deste post: , ,

6 Comentários

Join the conversation and post a comment.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *