Prêmios literários sempre geram controvérsias. Muitos críticos discordam, apontam injustiças. Fulano que devia ter sido premiado, cicrano que nem escreveu essas coisas todas. Tem quem diga que o júri é conservador, ou que é inovador demais.

A verdade é que nunca todo mundo fica satisfeito.

Discordâncias à parte, o legal é que edições como o Prêmio Jabuti fazem um recorte na produção livresca, destacam coisas interessantes no meio de tudo. Para o autor, é um incentivo, visibilidade e disputa.

Para os leitores, é uma forma fácil de descobrir novidades boas. Por isso que eu fui ver o que o Prêmio Jabuti 2014 trouxe de legal pra gente.

Ou seja, se você está sem inspiração pra leitura, ou sem saber qual o próximo livro que você vai abrir, caiu no post certo. Entre os vencedores da edição 2014 do Prêmio Jabuti, destaco 5 livros. De quebra, viram ótimas opções para presentear os queridos no Natal.

Miltom Hatoum e Bernardo Carvalho

1.
Um Solitário à Espreita, Milton Hatoum
É um livro de crônicas, onde ele conversa com o leitor em textos publicados ao longo dos últimos dez anos, não é diferente. Os temas são memória, linguagem, política, realidade. Parece imperdível. E se não for ler esse, leia qualquer outro dele.
Categoria Contos e Crônicas – 3º lugar
Leia um trecho

2.
Reprodução, de Bernardo Carvalho
Ouço falar dele há um tempo, mas ainda não conheço as obras do autor. Uma googlada pelo nome do livro nos leva a um monte de críticas no estilo: surpreendente! se reinventou! o retrato da realidade! O que me conquistou mesmo foi o argumento do livro, que é esquisito e atraente: um estudante de chinês, um cara recém demitido do mercado financeiro, comentarista de blogs, encontra a ex-professora no aeroporto e é abordado por um agente, e o resto do livro parece que se passa na sala do delegado. Boto fé.
Categoria Romance – 1º lugar.
Leia um trecho

3.
A Maçã Envenenada, de Michel Laub
O primeiro ponto que faz brilhar os olhos dos loucos por séries e filmes: é uma trilogia. Começou com o Diário de Uma Queda, e continua agora sempre no caminho de tratar fatos históricos e como eles afetaram as vidas individuais. Interessante demais. E se você acessa o blog do escritor, dá mais vontade ainda. Gostei do estilão dele.
Categoria Romance – 2º lugar.
Leia um trecho

Michel Laub e Lira Neto


4.
Getúlio (1930-1945)
, Lira Neto
Também é uma trilogia a história do ex-presidente Getúlio Vargas, em três volumes generosos em números de página. O premiado no Jabuti deste ano foi o 2º volume. Biografias em geral são polêmicas – e com essa que trata da nossa política, não poderia ser diferente. Acho muito válido se você lê sabendo que aquilo é um visão dos fatos. Como é todo retrato da realidade.
Categoria Biografia – 1º lugar.

5.
1889 – Como um Imperador Cansado, um Marechal Vaidoso e um Professor Injustiçado Contribuíram para o Fim da Monarquia e a Proclamação da República no Brasil, Laurentino Gomes
Se você tem interesse pelo Brasil do século 19 – que é de onde surgiu o nosso Brasil de hoje -, certamente vai dar uma chance à trilogia do Laurentino Gomes. Sempre com um ano no título, e um subtítulo jocoso, o autor leu mais de 150 livros para contar de forma saborosa a realidade. É bom ler o 1808 e o 1822 antes.
Categoria Reportagem – 1º lugar.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Tags deste post: , , , , , , , , , ,

2 Comentários

Join the conversation and post a comment.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *